Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Deus e a homossexualidade.

Antes de você comentar algo gostaria que você lesse o seguinte texto, não é de minha autoria, foi tirado de um tópico do orkut:
Poxa você tem nojo de ver dois homens se beijando? Eu tenho nojo de ver gente batendo em gente, de ver gente enganando gente, de ver gente matando gente, de ver gente passando fome, de ver gente negando direito de gente só por ser diferente. Disso eu tenho um puta nojo!
Mas você pode dizer o que pensa da homossexualidade das pessoas. É saudável falar o que pensa (desde de que não desrespeite ninguém!).
E já que você está tão aberto a discutir esse assunto ( o que é louvável da sua parte), eu te proponho que você tire um pouco o "casaco da moralidade" e sem idéias prontas imagine como seria se você fosse gay... Não tenha medo.
Imagine você se descobrindo ser uma coisa que não queria ( e lembre-se que o mundo não está preparado pra gente diferente!). tente se imaginar sentindo amor por outro ser humano ( que infelizmente não é o ser humano do tipo que sua mãe sonhou). Imagine a dor de ver que você vai ter ao escolher entre a sua felicidade ou a dos seus pais.
Ou então viver escondido e com medo, levando uma vida frustada. Aí você um dia é descoberto e é humilhado, negado e escurraçado.
Você está sozinho no mundo e não entende porque tem que ser assim. Será que amor é algo tão errado? Será que você é tão ruim assim?
Quando você abraça o seu amigo todo mundo acha fofo, mas se você beija o seu amigo você é uma aberração.
Aí começa o preconceito! Você é demitido, é xingado na rua por pessoas que nem conhece, é alvo de piadas e fofocas... de repentevocê pensa ser um ser humano inferior.
Só por amar diferente! Pense nisso e tente imaginar essa situaçãocara. Você vai ver que ninguém merece o seu "nojo".
Vai sentir falta de dignidade e boa vontade, pense nisso! Vai ser no mínimo interessante.
fale o que pensa, mas pense antes de disseminarapenas o que você ouviu a vida toda da boca de outros, pense.
Agora assista esse video:
video

Tenho amigos que são gays e vivem com seus companheiro anos. Eu lhe pergunto: O que é que une essas pessoas por tantos anos se não é o amor? Acho que não se pode impedir alguém de estar na Igreja só por causa da opção sexual, como uma vez eu vi uma garotos er expulso da igreja só porque descobriram a homossexualidade dele. É escolha ser homossexual? Não se pode acontecer coisas como essa:
video
Por fim encontrei esse texto e acho que tem tudo a ver com o título da postagem, infelizmente não gravei o link do blog onde encontrei:

Meu pai me perguntou: você é gay?
Eu perguntei pra ele: importa?
Ele disse: Não, não realmente...
Eu disse pra ele: sim, eu sou.
Ele disse: fora da minha casa.
Creio que ele se importava.
Meu chefe me perguntou: você é gay?
Eu perguntei pra ele: importa?
Ele disse: Não, não realmente...
Eu disse pra ele: sim, eu sou.
Ele disse: está despedido!!!
Creio que ele se importava.
Meu amigo me perguntou: você é gay?
Eu perguntei para ele: importa?
Ele disse: Não, não realmente...
Eu disse pra ele: sim, eu sou.
Ele disse: Não me considere mais seu amigo!
Creio que ele se importava.
Meu companheiro me perguntou: você me ama?
Eu perguntei pra ele: importa?
Ele disse: Não, não realmente...
Eu disse pra ele: sim, eu te amo.
Ele disse: deixa-me te abraçar.
Pela primeira vez na minha vida, algo importava.
Deus me perguntou: você se aceita?
Eu perguntei pra ele: importa?
Ele disse: Sim...
Eu disse pra ele: Como posso me aceitar, se sou gay?
Ele disse: Porque é assim que eu te fiz. Desde então, somente isso me importa.

Por fim deixo você com essa música belíssima de Jorge Vercilo:




video

11 comentários:

  1. aff...
    que pessoal sem noção...
    mais foi isso que ele optou ele ou ela

    mais ainda não entendo como pode uma garota gostar de outra,sentir Amor

    acho muito estranho sabe!

    ResponderExcluir
  2. É muito pessoal e cada um age de diverssas formas, não só pelo lado emocinal mas pscicilógico, tem Pessoas que fazem plastica para ficar igual ao sexo oposto, tem outros que não, tem uns que se caracterizam mas não deixam de ser na cama Homem ou Mulher.
    Bom na minha opnião cada um tem que ver oque é certo, caso cristão aos olhos de Deus se não aos olhos dos Homens.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que trabaçho magnifico vc fez garoto! Eu adorei a postagem e tb acho que não tem nada a ver essa discriminação idiota. Pra mim preconceito só mostra que a pessoa é completamente alienada, influenciável e que aceita qualquer coisa que lhe é imposta sem ao menos questionar. Se Deus, atráves do seu filho pregou o amor ao proximo, eu não me lembro dele ter feito ressalvas. O que torna ridiculo uma pessoa ser expulsa da igreja, um lugar q as pessoas vao pra ter esperança e encontrar fortaleza.
    E o inicio do seu texto, quem disse, disse muito bem : nojo dá é de ver o q um ser humano faz com outro. Isso sim é uma vergonha.
    Parabens pela belissima postagem!

    ResponderExcluir
  4. muito bom esse texto.. de tirar o chapéu! Esses preconceitos temq acabar.. e nao só os sexuais,mas todos. Preconceito faz mal... é um retrocesso...
    bjos

    ResponderExcluir
  5. Cara, não tenho preconceito nenhum com Gays. Mas acho que em relação á religião, a Igreja ve como um pecado. O homem foi feito para nascer, crescer, REPRODUZIR e morrer.. segundo Adão e Eva. é bem relativo..


    http://analisefc.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Bem... Cada um tem uma visão. Não se deve impor a uma pessoa que aceite algo e sim que respeite.
    T.S. Frank
    www.cafequenteesherlock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Acho que a homossexualidade deve ser encarada com naturalidade e com respeito. Aliás, devia ser tão natural como comer feijão com arroz. Ser homossexual não é uma opção, não é uma escolha, ninguém acorda de manhã e diz: "escolhi ser gay" ou "hoje resolvi que gosto de pessoas do mesmo sexo", se fosse assim ninguém seria gay.A homossexualidade é tão natural do ser humano como a heterossexualidade, porém não é aceita socialmente, porque o preconceito é social, cultural, etudo que é enraizado culturalmente é dificil aceitar e ser visto com respeito.
    Enquanto a religião, acredito que seja algo plantado, como uma filosofia a ser seguida, niguém me garante que antes da existencia de qualquer Igreja, não tenha havido relações homossexuais entre as pessoas em diferentes cultura.

    Enfim, quem ama de verdade, não dá importancia a esse detalhe.

    abraço!

    www.todososouvidos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Sinceramente discordo, homossexualidade é abominável não o homossexual,Deus ama o homossexual como ama todos, só abomina a homossexualidade pois é pecado.

    ResponderExcluir
  9. Deus ama o pecador, mas, abomina o pecado!
    Deus te aceita como és, mas não te deixa como estás!

    ResponderExcluir
  10. eu não tenho nenhum preconceito, eu respeito mas acho que temos que seguir o que está escrito na bíblia, bom todos temos o livre arbítrio para fazermos o que quiser.

    ResponderExcluir
  11. Muito bem feita colocação para expressar as suas idéias!
    Parabéns, nós temos que nos conscientizar que enquanto julgamos alguém por ser gay, fazemos muitas outras coisas que muitas vezes os gays não fazem, e assim nos tornamos piores.
    Certa vez um padre falou que conhecia muitos gays por confissão e ele disse que tem muitos gay que é santo, enquanto muitos héteros praticam coisas horríveis por aí...
    Temos que seguir o que está escrito na bíblia, mais acima de TUDO, temos que acreditar no amor verdadeiro do Pai, do Deus que é todo-poderoso.
    Ele mais do que ninguém conhece o coração de cada um, e só quem sente sabe, que ser gay não é uma opção. O fato de ser gay não o condena e sim o que você venha a praticar sendo gay.
    É só você se valorizar, se dar o respeito, ter uma boa postura social e religiosa. E acima de tudo Buscar viver no amor seja com um parceiro(a) ou sozinho, viver no amor verdadeiro...
    Mais uma vez, parabéns pra você...

    http://carlosrod28.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir